Dia do meu pai | Pais e filhos #BEDA 13

agosto 13, 2017

" Nossa Hed, quanta arrogância! " Nãaaaao, gente, não é isso!



O título de hoje é artifício de interação e causar impacto. Não para ser polêmica apesar de gostar disso, mas é mesmo para ser expressiva.

Poucos sabem mas meus pais são separados há alguns anos e de lá pra cá nossa relação se tornou bem difícil, porque divergimos sempre, as opiniões expressadas sempre causam situações de conflitos. Claro, que isso não impede de eu o amar tanto, tanto, tanto mesmo.

O nosso amor supera tudo que nos faz discordar. E têm momentos que não podem ser descritos com palavras, mas sim por emoções que faz tudo que nos entontece vire explosão de amor, pai e filha.

No fundo, seus argumentos são para me proteger. Muitas vezes eu sou a minha própria armadilha. Isso tudo porque eu sou impulsiva, explosiva e um pouco imatura. Acho que se não fossem meus pais certamente estaria morta ou presa, pois às vezes sou audaciosa e falo ou expresso o que sinto e isso acaba sendo interpretado como afronta.

Tá, Hed, onde você quer chegar?

Quero dizer que o podemos expressar, sentir e demonstrar, mesmo que seja nesta data comercial. Não perca a oportunidade de dizer "eu te amo" e abraçar enquanto temos tempo, sabemos que o destino nos levam até a saudade, e saudade dói, dor indesejável.



"É PRECISO AMAR AS PESSOAS 
COMO SE NÃO HOUVESSE AMANHÃ
PORQUE SE VOCÊ PARAR PENSAR
NA VERDADE NÃO HÁ" 
          (Pais e Filhos-Legião Urbana)


beijos de luz e paz,

sua amiga Hed

You Might Also Like

0 comentários